Índices europeus recuam pressionados por Daimler

Às 7h55, o índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 tinha queda de 0,32%, a 1.294 pontos

Os índices europeus recuavam nesta quinta-feira, devolvendo os ganhos registrados mais cedo com a queda dos papéis da Daimler após a passagem de data de referência para pagamento de dividendos compensando os ganhos das ações de saúde.

Às 7h55 (horário de Brasília), o índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 tinha queda de 0,32%, a 1.294 pontos.

As ações de saúde tinham um dos maiores ganhos setoriais pela segunda sessão seguida, com alta de 0,9% após a o fim do acordo de fusão entre Pfizer e Allergan aumentarem as conversas sobre outras consolidações no setor.

Já a montadora alemã Daimler caía 4,5%.