Ibovespa vira para alta, impulsionado por ações da Petrobras

Índice mudou o rumo apoiado na alta da Petrobras e também influenciado pelo vencimento de opções sobre Ibovespa futuro

São Paulo – O Índice Bovespa, que abriu o pregão de hoje em queda, mudou de rumo no início da tarde e passou a subir, apoiado na alta das ações da Petrobras e também influenciado pelo vencimento de opções sobre Ibovespa futuro.

O índice subia 0,64% perto das 15h, chegando a 54.649 pontos.

As ações ordinárias (ON, com direito a voto) da Petrobras subiam 2,08% e as preferenciais (PN, sem direito a voto) avançavam 2,35%.

Em relatório enviado a clientes, analistas do Citibank elevaram de US$ 13,40 para US$ 17,00 o preço justo para os recibos de ações (ADR, na sigla em inglês) da Petrobras negociados na Bolsa de Nova York e mantiveram a recomendação “neutral”, ou de manutenção, para os papéis.

Eles afirmaram que a estatal apresentará melhora operacional no médio prazo, que deve favorecer o preço das ações.

Além da recomendação, as ações também são alvo das especulações do mercado com relação à pesquisa eleitoral que deve ser divulgada amanhã.

Feita pelo Ibope a pedido da Confederação Nacional da Indústria (CNI), a pesquisa é a primeira realizada depois que a presidente Dilma Rousseff, do PT, foi hostilizada por parte da torcida do Brasil no jogo contra a Croácia, na abertura da Copa do Mundo.

Os números da pesquisa devem mostrar se a repercussão das vaias foi ou não positiva para a presidente.

Há, finalmente, os efeitos do vencimento de opções sobre Ibovespa futuro, que acontece no pregão de hoje.

Segundo o operador de ações de uma grande corretora de São Paulo, que pediu para não ter seu nome citado, o vencimento acirra a disputa entre comprados (que apostam na queda do índice) e vendidos (que apostam na alta).

Como as ações da Petrobras estão entre a de maior peso na composição do Ibovespa, junto com ações de bancos, esses papéis geralmente ficam entre os mais negociados por grandes investidores que tentam direcionar o índice para um patamar mais favorável.

Além das ações da Petrobras, outras altas de destaque entre as ações do Ibovespa eram de Suzano PNA (+3,81%), Cemig PN (+3,56%), Fibria ON (+3,29%), Usiminas PNA (+3,23%) e Copel PNB (+3,22%).

As maiores quedas eram de Hering ON (-3,06%), Kroton ON (-2,48%), Anhanguera ON (-2,23%), BB Seguridade ON (-2,19%) e Cosan ON (-1,93%).