Ibovespa ensaia alta puxado por Vale, mas é pressionado

Índice era puxado por ações de peso como Vale e seguindo o comportamento das bolsas estrangeiras, mas registrava volatilidade

São Paulo – O principal índice da Bovespa tentava se firmar em alta na manhã desta terça-feira, puxado por ações de peso como Vale e seguindo o comportamento das bolsas estrangeiras, mas registrava volatilidade, diante de um possível ajuste após duas valorizações seguidas.

Às 11h22, o Ibovespa operava estável, a 57.631 pontos. O giro financeiro do pregão era de 1,2 bilhão de reais.

Na véspera, o índice subiu cerca de 1 por cento, favorecido por ações de bancos e ampliando ganhos de sexta-feira, quando avançou mais de 2 por cento. Os movimentos fizeram com que analistas sugerissem a possibilidade de uma correção.

“A nova alta do pregão (de segunda-feira) impulsionou o índice para cima de sua então resistência em 56.745 pontos… No momento, vale a atenção de que o Ibovespa segue afastado de seu suporte, o que abre espaço para correções relevantes, sem desconfigurar seu movimento de alta”, disse a corretora Concórdia, em relatório.

Segundo o operador de renda variável da Renascença DTVM, Luiz Roberto Monteiro, a alta da ação da Petrobras na abertura ajudou o índice no início dos negócios, “com corretoras zerando a posição vendida” na ação.

Porém, as ações da petroleira estatal inverteram o sinal ainda nesta manhã e passaram a cair, contribuindo para pressionar o Ibovespa.

Monteiro lembrou que a expectativa por pesquisas eleitorais ainda pode influenciar o pregão. “O mercado lá fora está mais tranquilo e aqui continua na esteira de pesquisas eleitorais”, disse, acrescentando que o mercado aguarda a divulgação da próxima sondagem do Ibope nesta semana.

Ações do setor de energia influenciavam positivamente o Ibovespa nesta terça-feira, com destaque para Eletropaulo , após a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) confirmar que o governo negocia 6,5 bilhões de reais em novo empréstimo para cobrir os gastos extras das companhias com compra de eletricidade. Na outra ponta, porém, Itáu Unibanco exercia uma das principais influências negativas, realizando parte dos ganhos da véspera, quando a Procuradoria Geral da República divulgou novo cálculo de lucro bruto de bancos com caderneta de poupança em planos econômicos das décadas de 1980 e 1990.