Frigoríficos se recuperam após decisão de embargo de carne na Rússia

Papéis da Brasil Foods são os que mais sofrem no pregão desta quinta-feira

São Paulo – As ações dos principais frigoríficos brasileiros se recuperam após a queda observada na manhã desta quinta-feira (2), refletindo principalmente a decisão do governo da Rússia de suspender temporariamente a importação de carne e produtos compostos de 85 frigoríficos dos estados do Mato Grosso, Paraná e Rio Grande do Sul a partir de 15 de junho.

A lista de frigoríficos afetados inclui unidades das companhias JBS, Marfrig e Brasil Foods, de acordo com informações disponíveis no website do Serviço Federal de Inspeção Veterinária e Fitossanitária da Rússia. Em comunicado, a Minerva (BEEF3) informou que “não possui plantas que figuram na lista divulgada pela autoridade russa, muito menos operações nos estados mencionados pela nota” e, portanto, não será afetada pelo embargo.

A Rússia é o principal destino das exportações de carne bovina produzida no Brasil, com 30% do total. Apenas nos três primeiros meses de 2011, o volume enviado pra lá totalizou 69.098,75 toneladas, segundo dados da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec). A receita cresceu 48,76% no período em análise, para 304,439 milhões de dólares, em comparação com o mesmo período de 2010.

No caso da carne suína, a situação não é muito diferente. O país europeu é destino de 40,33% do total produzido no Brasil, conforme dados fornecidos pela Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína. O volume total embarcado entre janeiro e março ficou em 68.220 toneladas.

Questionada pela reportagem de EXAME.com sobre o impacto do embargo russo sobre os negócios, a assessoria de imprensa da Brasil Foods (BRFS3) optou por não se pronunciar. Segundo o último balanço da companhia, 9,7% do total da receita da Brasil Foods foi proveniente das exportações para a Euroásia no primeiro trimestre do ano. As ações da empresa chegaram hoje a cair 3,02%, cotadas a 28,22 reais (mínima do dia).

Em nota, o frigorífico Marfrig Alimentos (MRFG3) informou que as exportações do grupo para o mercado russo representaram 10,7% do total de exportações da companhia, correspondendo a 4,7% da receita consolidada. Segundo a empresa, “as exportações para a Rússia serão atendidas através de unidades localizadas em outros estados, não impactando dessa forma os volumes vendidos para aquele destino”. Os papéis do Marfrig já se recuperaram e operam em terreno positivo, mas antes sofreram queda de 1,79%, cotados a 13,65 reais.


A JBS informou que três unidades no total serão afetadas pela decisão da Rússia de bloquear a compra de carne do Brasil. Em comunicado, a companhia notificou que manterá suas exportações para o país europeu a partir de outras oito fábricas instaladas e operando em diferentes regiões do Brasil. As ações do frigorífico já operam em campo positivo, mas registraram mais cedo perda de 1,86%, cotadas a 5,27 reais.

Avaliação

“Com esta decisão, expressamos nossa desconfiança com relação aos serviços veterinários destes estados, que não puderam garantir o cumprimento dos requisitos”, afirmou Alexéi Alexéyenko, porta-voz do Serviço Federal de Inspeção Veterinária e Fitossanitária da Rússia, em declaração às agências internacionais.

A inspeção realizada este ano no Brasil revelou várias deficiências no funcionamento dos serviços veterinários do país sul-americano, apontou Alexéyenko. Antes de a proibição ser ditada, havia 236 empresas brasileiras exportando carne à Rússia.

Veja abaixo a lista dos frigoríficos que serão impedidos de exportar à Rússia:

1. SIF 2911 BRF BRASIL FOODS S.A.
2. SIF 1886 FRIGORIFICO MATABOI S/A
3. SIF 585 Frigorifico Pantanal LTDA
4. SIF 3962 FRIGORIFICO VALE DO GUAPORE S/A
5. SIF 4268 GUAPORE CARNE S/A
6. SIF 2345 IFC Food Company Industria de Alimentos S/A
7. SIF 42 JBS S/A
8. SIF 2979 JBS S/A
9. SIF 3031 JBS S/A
10. SIF 2019 JBS S/A
11. SIF 1751 Marfrig Alimentos S/A
12. SIF 2500 Marfrig Alimentos S/A
13. SIF 4466 Pantanal Industria e Comercio de Carnes LTDA
14. SIF 4393 QUATRO MARCOS LTDA
15. SIF 2015 SADIA S/A
16. SIF 3348 VALE GRANDE INDUSTRIA E COMERCIO DE ALIMENTOS S/A
17. SIF 1778 JBS S/A
18. SIF 592 MARGEN S.A.
19. SIF 4365 MFB MARFRIG FRIGORÍFICOS BRASIL S.A.
20. SIF 1163 Torlim Alimentos S/A
21. SIF 1733 FRIGORIFICO SILVA INDUSTRIA E COMERCIO LTDA
22. SIF 1651 Marfrig Alimentos S/A
23. SIF 1926 MFB MARFRIG FRIGORÍFICOS BRASIL S.A.
24. SIF 2007 MFB MARFRIG FRIGORÍFICOS BRASIL S.A.
25. SIF 3941 AGRA AGROINDUSTRIAL DE ALIMENTOS S/A
26. SIF 3551 Intercop Integração dos suinocultores do médio norte matogrossense Ltda
27. SIF 424 BRF BRASIL FOODS S.A.
28. SIF 3704 Frigorífico Larissa Ltda
29. SIF 119 Kaefer Agroindustrial Ltda
30. SIF 2146 ALIBEM COMERCIAL DE ALIMENTOS LTDA
31. SIF 915 ALIBEM COMERCIAL DE ALIMENTOS LTDA
32. SIF 3975 AVIPAL S/A ALIMENTOS
33. SIF 102 BRF BRASIL FOODS S.A.
34. SIF 760 COOP. REGIONAL CASTILHENSE DE CARNES E DERIVADOS
35. SIF 3847 COOPERATIVA CENTRAL OESTE CATARINENSE
36. SIF 167 COOPERATIVA DOS SUINOCULTORES DE ENCANTADO LTDA
37. SIF 1184 COTRIJUÍ – COOPERATIVA AGROPECUARIA & INDUSTRIAL
38. SIF 876 DOUX FRANGOSUL S/A AGRO AVÍCOLA INDUSTRIAL
39. SIF 12 FRIGORIFICO MABELLA LTDA
40. SIF 60 SADIA S/A
41. SIF 3767 ANHAMBI ALIMENTOS NORTE LTDA
42. SIF 3371 SADIA S/A
43. SIF 1215 Agricola Jandelle S.A.
44. SIF 1880 Avicola Felipe S.F.
45. SIF 3300 C.Vale-Cooperativa Agrondustrial
46. SIF 4444 COOPERATIVA AGROINDUSTRIAL LAR
47. SIF 797 COOPERATIVA AGROINDUSTRIAL- COPAGRIL
48. SIF 2913 JAGUAFRANGOS INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE ALIMENTOS LTDA
49. SIF 1672 KAEFER AGRO INDUSTRIAL LTDA
50. SIF 2518 SADIA S/A
51. SIF 1985 SADIA S/A
52. SIF 4041 AGROSUL AGROAVICOLA INDUSTRIAL S/A
53. SIF 4017 Agrosul Agroavicola Industrial S/A
54. SIF 1449 BRF BRASIL FOODS S.A.
55. SIF 2025 BRF BRASIL FOODS S.A.
56. SIIF 1661 COMPANHIA MINUANO DE ALIMENTOS
57. SIF 959 COMPANHIA MINUANO DE ALIMENTOS
58. SIF 730 COOPERATIVA LANGUIRU LTDA
59. SIF 2032 DOUX FRANGOSUL S/A AGRO AVÍCOLA INDUSTRIAL
60. SIF 922 DOUX FRANGOSUL S/A AGRO AVÍCOLA INDUSTRIAL
61. SIF 437 Frigorifico Mabella Ltda
62. SIF 3169 FRIGORIFICO NICOLINI LTDA
63. SIF 981 FRINAL S/A – FRIGORÍFICO E INTEGRACÃO AVÍCOLA
64. SIF 544 PENASUL ALIMENTOS LTDA
65. SIF 237 PENASUL ALIMENTOS LTDA
66. SIF 103 BRF BRASIL FOODS S.A.
67. SIF 727 Frimesa Cooperativa Cenrtal
68. SIF 928 Sadia S/A
69. SIF 2014 BRF BRASIL FOODS S.A.
70. SIF 1385 CONFEPAR – Agroindustrial Cooperativa Central
71. SIF 242 PERDIGÃO S/A
72. SIF 3254 CAP – LOGÍSTICA FRIGORÍFICADA LTDA
73. SIF 1599 MARTINI MEAT S/A ARMAZENS GERAIS
74. SIF 785 Sadia
75. SIF 1541 TERMINAIS PORTUARIOS DA PONTA DO FELIX S/A
76. MT-80026 Louis Dreyfus Commodities Brasil S. A.
77. MT-80076 Amaggi Exportação e Importação LTDA
78. MT-80031 Amaggi Exportação e Importação LTDA
79. PR-058048 Alltech do Brasil Agroind. LTDA
80. PR-05224 Alltech do Brasil. Agroind. LTDA
81. PR-03962 Insol Intertrading do Brasil LTDA.
82. PR-03857 Louis Dreyfus Commodities Brasil S. A.
83. RS-04206 Alisul Alimentos S.A.
84. RS-10053 Hercosul Alimentos LTDA
85. RS-10413 Nutrire Ind. de Alimentos LTDA