Fox e Disney caem na Bolsa após anúncio de compra

Disney irá comprar parte da Fox por 52,4 bilhões de dólares, além de assumir uma dívida líquida de 13,7 bilhões de dólares

São Paulo —  O grupo Walt Disney confirmou, nesta quinta-feira, a compra da 21st Century Fox por 52,4 bilhões de dólares. A Disney também irá assumir uma dívida líquida de cerca de 13,7 bilhões de dólares da companhia do magnata Robert Murdoch.

Com o anúncio, as ações da Fox passaram a cair mais de 1,4%, ainda no pré-market. Já os papéis da Disney tinham perdas em torno de 0,8%.  

Pelos termos do acordo, os acionistas da Fox irão receber 0,2745 ação da Disney para cada unidade de ações da Fox que possuem. Para o pagamento, a empresa do Mickey Mouse deve emitir 515 milhões de novas ações

Os ativos que serão repassados à Disney incluem estúdios de cinema e televisão, redes de entretenimento a cabo e propriedades de entretenimento famosos como X-Men, Avatar, Planeta ds Macacos e The Simpsons.

Fox News, Fox Broadcasting, Fox Business, FS1, FS2 e Big Ten Network continuarão nas mãos do magnata Robert Murdoch.

No mesmo comunicado, a Disney informou que o seu diretor executivo, Bob Iger, continuará no cargo até 2021 para “fornecer a visão e a liderança comprovada necessárias para completar com sucesso e integrar uma empresa tão maciça e complexa”.

Em entrevista ao programa “Good Morning America”, da rede ABC, Iger disse que a nova empresa não espera alcançar a “escala da Netflix rapidamente”, mas pretende ser um importante concorrente. 

Há alguns meses, a Disney anunciou a criação da sua própria plataforma digital e informou que irá tirar seus filmes da Netflix a partir de 2019.

Os investidores da Netflix não reagiram imediatamente à notícia. No início da manhã, os papéis tinham ganhos de 0,24%.