Estrangeiros mantêm aposta em queda do Ibovespa futuro

Os investidores mantêm uma elevada posição vendida em índice Bovespa futuro, totalizando 85.729 contratos em aberto

São Paulo – Os investidores estrangeiros mantêm uma elevada posição vendida em índice Bovespa futuro, totalizando 85.729 contratos em aberto nessa estratégia ao final da sessão de terça-feira (19). Segundo dados da BM&FBovespa, o saldo é resultado de 78.190 contratos na compra e 163.919 contratos de venda.

Um dia antes, os estrangeiros estavam vendidos no derivativo com 80.700 contratos em aberto, resultado de 77.899 contratos na compra e 158.599 contratos na venda, o que representa um ajuste líquido de pouco mais de 5 mil contratos na posição vendida, no período.

Em valores, a aposta na queda do Ibovespa futuro encerrou a terça-feira (19) projetando R$ 4,940 bilhões, considerando-se a pontuação de fechamento do contrato para abril na sessão de terça-feira 919). Já no mercado à vista, o saldo de recursos externos na Bolsa está positivo em R$ 4,466 bilhões em 2013 até o último dia 15.

Profissionais de mercado têm sido praticamente unânimes em afirmar que a intervenção do governo na economia e a confusão da equipe econômica sobre a condução das políticas monetária e cambial têm gerado desconfiança entre os investidores, principalmente entre os estrangeiros, emperrando a renda variável.

Com isso, a Bolsa tem vivido de ganhos no curtíssimo prazo, típicos de operações de arbitragem e day-trade, e segue carente de tomador final. Nos últimos dias, aliás, os estrangeiros tem retirado capital estrangeiro do mercado acionário à vista, migrando para o vermelho o saldo parcial no acumulado do mês.