Dow Jones fecha em leve alta

O índice seletivo S&P 500 recuou 0,09%, para 1.350,50 pontos, e o indicador da bolsa eletrônica, a Nasdaq, subiu 0,02%, fechando aos 2.931,83

Nova York – O índice Dow Jones Industrial, o principal de Wall Street, fechou nesta terça-feira praticamente estável, em leve alta de 0,03%, após passar boa parte do pregão em números vermelhos.

Esse indicador, que reúne 30 das maiores empresas americanas, somou 4,24 pontos, para 12.878,28. Já o índice seletivo S&P 500 recuou 0,09%, para 1.350,50 pontos, e o indicador da bolsa eletrônica, a Nasdaq, subiu 0,02%, fechando aos 2.931,83.

O pregão apresentou este resultado depois da divulgação da notícia de que o líder do partido conservador grego Nova Democracia (ND), Antonis Samaras, se comprometerá por escrito a aplicar o programa de ajustes e reformas estruturais estipulado com a ‘troika’ – formada pelo Fundo Monetário Internacional, Banco Central Europeu e a Comissão Europeia – se ganhar as próximas eleições.

Entre os componentes do Dow Jones, as principais altas foram dos títulos de Hewlett-Packard (1,15 %) e Boeing (0,95 %). Essa última companhia registrou tal avanço em um dia no qual a companhia aérea indonésia Lion Air formalizou um pedido de 230 de seus aviões avaliado em US$ 22,4 bilhões, o maior contrato da história da Boeing. Já a principal baixa do dia no índice foi dos papéis do Bank of America (-3,27%).

Fora do Dow Jones, surpreendeu o resultado da empresa de roupas e complementos de luxo Michael Kors, cujas ações dispararam 27,49%.

Em outros mercados, o Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) caiu para US$ 100,74 por barril, o ouro retrocedeu a US$ 1.717,70 a onça, o dólar ganhava terreno frente ao euro (que era cotado a US$ 1,3118) e a rentabilidade da dívida pública americana a 10 anos descia para 1,94%.