Dólar cai 0,87% na semana e fecha a R$ 1,599

São Paulo – O dólar comercial fechou a sexta-feira em baixa de 0,19%, cotado a R$ 1,599 no mercado interbancário de câmbio. Na semana, o dólar recuou 0,87%; no mês, a moeda americana acumula alta de 2,96% e no ano, queda de 3,91%. Na Bolsa de Mercadorias & Futuros, o dólar à vista caiu 0,68% hoje e fechou o pregão a R$ 1,598. O euro comercial subiu 0,17% no dia, cotado a R$ 2,301.

O Banco Central realizou um leilão de compra de dólar no mercado à vista e definiu a taxa de corte em R$ 1,5984. Após abrir em queda, o dólar devolveu gradativamente a baixa e chegou a subir levemente após o meio-dia, pressionado pela continuidade do estresse no cenário externo e por um fluxo cambial pontualmente negativo, segundo operadores de câmbio de corretoras e bancos consultados pela Agência Estado. A subida das cotações durante os negócios, no entanto, não se sustentou. Isso porque os exportadores aproveitaram o avanço das cotações até R$ 1,603 (+0,06%) para vender a moeda.

Além disso, o dólar perdeu força no exterior em meio a rumores de que o Banco Central Europeu (BCE) estaria novamente comprando bônus dos governos da Itália e da Espanha. O detalhamento pelo governo espanhol do plano de austeridade fiscal e a notícia de que os ministros de Finanças da França e da Alemanha, François Baroin e Wolfgang Schaeuble, vão se reunir na terça-feira em Paris, ajudaram a amenizar a tensão no mercado de câmbio internacional.

Câmbio turismo

Nas operações de câmbio turismo, o dólar registrou queda de 1,17% hoje, cotado a R$ 1,683 na venda e R$ 1,513 na compra. No mês, o dólar turismo acumula alta de 2,81%. O euro turismo subiu 0,29% hoje, cotado a R$ 2,44 na venda e R$ 2,20 na compra, com alta acumulada de 4,14% em agosto.