Dados nos EUA garantem alta das ações na Europa

Ações ligadas ao setor de petróleo lideraram os ganhos nas sessões diante da perspectiva de recuperação da economia mundial

Londres – As bolsas de valores da Europa tiveram a melhor performance semanal desde o começo de dezembro após uma sessão de fraco volume nesta sexta-feira, seguindo o maior otimismo com a recuperação global após uma série de indicadores nos Estados Unidos ao longo da semana.

O índice FTSEurofirst 300 com as principais ações europeias fechou em alta de 0,76 por cento, a 989 pontos. Na semana, o índice teve alta acumulada de 3,4 por cento.

O volume foi de apenas um terço da média móvel dos últimos 90 dias, e operadores esperam que a alta tradicional de fim de ano perca força perto do Ano Novo com a falta de uma solução para a crise da dívida na zona do euro e com a ameaça de reduções de ratings soberanos por agências de risco.

As ações ligadas ao setor de petróleo, cujo desempenho é bastante ligado às perspectivas de crescimento global, estiveram entre os destaques de alta, com o índice STOXX Europe 600 Oil & Gas em alta de 1,3 por cento nesta sexta e de 3,9 por cento na semana.

“Os dados norte-americanos foram certamente melhores”, disse Colin McLean, diretor-gerente da SVM Asset Management, acrescentando que os lucros corporativos devem se beneficiar.

Em Londres, o índice Financial Times subiu 1,02 por cento, a 5.512 pontos. Em Frankfurt, o índice DAX avançou 0,46 por cento, para 5.878 pontos.

Em Paris, o índice CAC-40 teve alta de 0,99 por cento, a 3.102 pontos. Em Milão, o índice Ftse/Mib registrou ganho de 0,31 por cento, para 15.073 pontos.

Em Madri, o índice Ibex-35 apurou alta de 0,94 por cento, a 8.542 pontos. Em Lisboa, o índice PSI20 subiu 1,29 por cento, para 5.401 pontos.