Crise da dívida grega derruba Bolsas da Ásia; Hong Kong cai 2,5%

Investidores são pautados por preocupações com a Grécia. Com exceção de China, todos os mercados da região fecharam no campo negativo

Tóquio – As preocupações com a crise da dívida da Grécia pautaram os investidores nas bolsas asiáticas nesta quinta-feira. Com exceção de China, todos os mercados da região fecharam no campo negativo. Não houve negociações no Japão por ser feriado.

Este foi o caso na Bolsa de Hong Kong, com os investidores cautelosos sobre a crise europeia. O índice Hang Seng perdeu 491,21 pontos, ou 2,5%, e fechou aos 19.242,50 pontos, devolvendo todos os ganhos obtidos na véspera, com as expectativas de que Pequim irá reduzir a política de aperto monetário.

Já as Bolsas da China encerraram em ligeira alta devido aos crescentes sinais de que as autoridades podem estar reduzindo seus controles monetários, embora o declínio nos mercados regionais tenha limitado os ganhos. O índice Xangai Composto subiu 0,2% e terminou aos 2.508,09 pontos. O índice Shenzhen Composto ganhou 0,5% e encerrou aos 1.064,62 pontos.

O yuan atingiu seu menor nível permitido ante o dólar, apesar de o banco central chinês ter fixado a moeda emum recorde de alta ante a divisa americana, devido à perda de valor do euro. No mercado de balcão, o dólar oscilou em 6,3514 yuans, o menor nível permitido pelo BC, que proíbe o yuan de subir ou descer mais do que 0,5% da taxa de paridade central dólar-yuan, que foi fixada em 6,3198 yuans.

Investidores locais e estrangeiros continuaram a vender na Bolsa de Seul, na Coreia do Sul, que fechou em forte queda. O índice Kospi baixou 1,45% e terminou aos 1.869,96 pontos.

A Bolsa de Taipé, em Taiwan, fechou na maior baixa em duas semanas. O índice Taiwan Weighted recuou 1,82% e terminou aos 7.460.31 pontos, com investidores estrangeiros abandonando o mercado.

Seguindo o pessimismo de outros mercados, a Bolsa de Sydney, na Austrália, fechou no vermelho. O índice S&P/ASX 200 anotou baixa de 0,31% e encerrou aos 4.171,80 pontos.

A Bolsa de Manila, nas Filipinas, também fechou em baixa. O índice PSE recuou 1,18% e terminou aos 4.210,25 pontos.

A Bolsa de Cingapura teve baixa, acompanhando as demais asiáticas. O índice Straits Times caiu 0,9% e fechou aos 2.810,04 pontos.

O índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, recuou 1,5% e fechou aos 3.705,81 pontos, com vendas de papéis de bancos e relacionadas a commodities

O índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, perdeu 0,9% e fechou aos 957,56 pontos.

O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, cedeu 0,6% e fechou aos 1.462,37 pontos. As informações são da Dow Jones