Criador de criptomoeda pagará US$ 4,6 mi por almoço com Warren Buffett

Justin Sun é fundador da moeda digital Tron e CEO da empresa de compartilhamento de arquivos BitTorrent

São Paulo – Um empresário do ramo de criptomoedas venceu o disputado leilão que dá direito a um almoço com o megainvestidor Warren Buffett, um cético em torno do bitcoin, a mais antiga moeda digital. Ele vai desembolsar US$ 4,6 milhões pelo encontro.

Justin Sun, fundador da criptomoeda Tron e CEO da empresa de compartilhamento de arquivos BitTorrent, venceu o leilão ao oferecer um lance US$ 4,57 milhões. O almoço com Buffett é parte de um leilão anual que arrecada fundos para a organização Glide, cujos programas combatem a fome, a pobreza e a falta de moradia.

Em um post publicado em sua página no Twitter, Sun disse que convidaria outros líderes do setor de blockchain para comer com o lendário investidor em Nova York. “Espero que isso beneficie todo mundo”, escreveu o empresário.

Buffett já chegou a dizer em entrevistas que, assim como outras moedas digitais, o bitcoin não deve ser encarado como um investimento.

Lance foi recorde

Os lances no site do EBay começaram na noite do dia 26 de maio nos Estados Unidos com um valor inicial de US$ 25 mil. O 20º leilão anual precisaria levantar cerca de US$ 3,46 milhões para superar o lance recorde de um participante anônimo em 2012. O primeiro leilão em 2000 captou US$ 25 mil, e os lances do ano passado somaram US$ 3,3 milhões.

Buffett, presidente do conselho e CEO da Berkshire Hathaway, disse que os recursos são de extrema necessidade em São Francisco.