CPFL Renováveis avalia IPO dentro de dois anos, diz presidente

Miguel Saad anunciou que a empresa tem planos de produzir até 4,4 gigawatts

São Paulo – A CPFL Renováveis, resultado da parceria entre a CPFL Energia SA e a ERSA – Energias Renováveis SA, pode realizar uma abertura de capital para vender ações dentro de dois anos.

A companhia com sede em São Paulo tem caixa para fazer frente aos investimentos para geração de energia eólica e a partir de biomassa, além de em pequenas centrais hidrelétricas. Juntos os projetos têm capacidade de geração de 4,4 gigawatts, disse hoje o presidente Miguel Saad em entrevista por telefone.

http://d1nfmblh2wz0fd.cloudfront.net/items/loaders/loader_1063.js?aoi=1311798366&pid=1063&zoneid=14729&cid=&rid=&ccid=&ip=