Como as empresas mais endividadas estão na Bolsa

Levantamento mostra o desempenho das ações das companhias com as maiores dívidas brutas

São Paulo — Com uma dívida bruta que ultrapassa os 376 bilhões de reais, a Petrobras ocupa o posto de empresa de capital aberto mais endividada do país. Para se ter uma noção do tamanho do débito da petroleira, o montante equivale a 35% da soma de todas as obrigações das empresas registradas na Bolsa.

Depois da Petrobras, quem aparece na lista é a Vale, com uma dívida bruta de 92 bilhões de reais, seguida pela JBS, que deve 58 bilhões de reais.

Apesar dos altos valores, os investidores seguem confiantes na Vale. No ano, os papéis da mineradora acumulam ganhos de 37,82%. O mesmo não pode ser dito das ações da JBS, que, desde o começo do ano, têm perdas de mais de 25%. A Petrobras, primeira da lista, tem um desempenho tímido, de pouco mais de 1%.

Abaixo, você encontra a lista das maiores endividadas e o desempenho de seus papéis no ano. Os números são da Economatica, que analisou as demonstrações financeiras de 263 companhias que entregaram os dados à Comissão de Valores Mobiliários desde 2010 até o segundo trimestre deste ano.

Empresa Dívida bruta Desempenho da ação no ano
Petrobras R$ 376,5 bilhões 1,1%
Vale R$ 92,1 bilhões 37,8%
JBS R$ 58,5 bilhões -25,2%
Oi R$ 51,8 bilhões 57,8%
Eletrobras R$ 47,3 bilhões -4,3%
CSN R$ 30,3 bilhões 3,4%
BRF R$ 23,9 bilhões -3,7%
Braskem R$ 23,6 bilhões 20,5%
CPFL R$ 20,8 bilhões 8,9%
Gerdau R$ 19,9 bilhões 13,7%