Cielo pode mudar informações ao mercado quando Redecard sair

Rômulo Dias afirmou também que o plano da Cielo é investir cerca de R$ 300 milhões neste ano

São Paulo- A Cielo, maior empresa de meios de pagamento do país, considera mudar quais informações divulga ao mercado quando sua principal concorrente, a Redecard for deslistada da BM&FBovespa, disse o presidente da companhia nesta quinta-feira.

Rômulo Dias afirmou também que o plano da Cielo é investir cerca de 300 milhões de reais este ano, mas pode ser elevado, se necessário.

O montante previsto para dois anos é de 660 milhões de reais.