CÂMBIO-Dólar opera estável antes de reunião do Fed

Por Naomi Tajitsu

LONDRES, 20 de setembro (Reuters) – O dólar operava perto
da estabilidade frente às principais moedas após uma abertura
em queda nesta segunda-feira. O recuo foi influenciado pela
especulação de que o Federal Reserve possa sugerir a
necessidade de injetar mais estímulos na economia
norte-americana quando anunciar sua decisão na terça-feira.
[ID:nN20225425]

A perspectiva de a economia dos Estados Unidos exigir mais
incentivos monetários –normalmente vistos como negativos para
a moeda– destacou as diferenças entre os bancos centrais, com
o dólar australiano atingindo a máxima em dois anos após
comentários otimistas do BC australiano.

O dólar operava em uma faixa estreita ante o iene, devido a
um feriado no Japão e à cautela dos investidores depois da
intervenção do governo no mercado de câmbio.

O dólar australiano avançou quase 1 por cento, para
0,9470 dólar –o maior valor desde meados de 2008–, após o
presidente do banco central do país, Glenn Stevens, sugerir que
as taxas de juros continuarão a subir. Isso impulsionaria a
vantagem da taxa de câmbio australiana.

O euro tinha leve queda após os ganhos de mais cedo,
recuando 0,13 por cento, para 1,3037, ajudado pela queda do
dólar e pela alta das bolsas europeias , ainda que a
confiança na moeda esteja reduzida por preocupações com as
finanças públicas da Irlanda. [ID:nN20251967]

Ante uma cesta de moedas , o dólar tinha oscilação
positiva de 0,08 por cento.