BrasilAgro retoma processo de oferta de ações

Início das negociações do lote de papéis deve ocorrer em 1 de abril

São Paulo – A Companhia Brasileira de Propriedades Agrícolas (BrasilAgro), cujos papéis são negociados pelo código AGRO3 na BM&FBovespa, anunciou que definirá em 30 de março o preço da ação que faz parte da oferta pública primária (follow-on) no mercado brasileiro, segundo comunicado enviado nesta quinta-feira (10) à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

O período de reservas está previsto para ocorrer entre 21 e 29 de março. O início das negociações dos papéis deve ocorrer em 1 de abril, segundo prospecto preliminar. Na terça-feira (8), a companhia decidiu adiar a oferta de ações primária para “avaliar as condições de mercados” por um período de até três semanas, após solicitação feita à Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima).

A oferta tem como coordenador líder o Bank of America Merrill Lynch, além do BTG Pactual e JPMorgan. No prospecto preliminar, a BrasilAgro afirmou que cerca de 70% dos recursos obtidos com a oferta seriam destinados para aquisição de propriedades rurais subutilizadas ou não-produtivas.

Leia mais: Ação da BrasilAgro ganha com reavaliação de terras

Direto da Bolsa: Petrobras retorna ao radar do mercado – 2ª Edição