Bradesco eleva preço justo dos papéis da Qualicorp

Analistas da corretora do banco elevaram estimativa de preço para para R$ 27,00 por ação, de R$ 25,00

São Paulo – Os analistas da corretora do Bradesco elevaram sua estimativa de preço justo para as ações ordinárias (ON, com voto) da empresa de planos de saúde Qualicorp, passando de R$ 25,00 para R$ 27,00 por ação. Em relatório enviado a clientes, a corretora também reafirma sua recomendação de compra para as ações.

Segundo a avaliação, feita pelos analistas Rafael Frade e Raquel Erzinian, 2014 será um ano desafiador para o setor de planos de saúde, tendo em vista um fraco crescimento da economia brasileira e o aumento das pressões inflacionárias. Contudo, eles acreditam que a Qualicorp tem condições de repetir em 2014 o mesmo ritmo de forte crescimento que teve em 2013.

Os analistas estimam que, mesmo em um ambiente difícil, as receitas da companhia devem crescer algo em torno de 21%. A companhia deve se beneficiar do crescimento do mercado de planos de saúde em grupo, pela falta de opções no segmento individual, por causa da saída de grandes empresas desse segmento.

O Bradesco estima que a Qualicorp chegará a uma taxa média de 40 mil planos individuais vendidos por mês em 2014, contra uma taxa de 36 mil por mês em 2013. Além disso, os analistas esperam que a companhia colha resultados positivos de iniciativas de corte nos custos adotadas no ano passado.

Finalmente, a inclusão da ação ON da Qualicorp no Índice Bovespa – o papel passou a compor a carteira teórica do índice no pregão de ontem – deve impulsionar a liquidez das ações, segundo os analistas. “Além das nossas expectativas para o papel em 2014, vemos grandes oportunidades para a companhia em um prazo mais longo”, diz o relatório.

A ação da Qualicorp era negociada no fim do dia a R$ 21,48, em queda de 0,58%. O Índice Bovespa fechou em queda de 1,07%.