Bolsas europeias fecham em alta após dados dos EUA

Londres – As ações europeias tiveram nesta sexta-feira seu maior ganho semanal desde o final de dezembro, ultrapassando um nível de resistência, depois que dados de emprego acima das expectativas nos Estados Unidos levantaram o otimismo sobre uma recuperação econômica que pode aumentar os lucros das empresas.

O índice FTSEurofirst 300 das principais ações europeias fechou em alta de 1,59 por cento, aos 1.076 pontos, segundo dados preliminares, depois de chegar à mínima de 1.056 pontos. No acumulado da semana, o índice subiu 3,4 por cento na semana.

Ações de montadoras e de bancos, cujos lucros podem melhorar se o crescimento econômico é forte, foram as ganhadoras de destaque, com o índice STOXX Europe 600 Banks das ações bancárias em alta de 2,51 por cento e o STOXX Europe 600 Automobiles & Parts do setor automotivo em alta de 2,72 por cento.

“A economia dos EUA está se recuperando moderadamente”, disse o estrategista da Standard Life Investments Richard Batty.”As empresas poderiam estar se tornando mais confiantes, nós apreciamos as ações nos EUA.” “Mas ainda não temos um roteiro claro para a crise da dívida da zona do euro e para a Grécia, o que vai continuar a pesar sobre os mercados. Ainda estamos com a Europa de neutra a abaixo da ponderação média.”

Em LONDRES, o índice Financial Times teve alta de 1,81 por cento, a 5.901 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX ganhou 1,67 por cento, para 6.766 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 subiu 1,52 por cento, a 3.427 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib avançou 1 por cento, para 16.439 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou ganho de 1,01 por cento, a 8.861 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 subiu 1,81 por cento, para 5.490 pontos.