Bolsas dos EUA têm alta após Trump conseguir concessões da UE

Índice Dow Jones subiu 0,68 por cento, a 25.414 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,91 por cento, a 2.846 pontos

Nova York – Os principais índices de Wall Street subiram nesta quarta-feira, com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, garantindo concessões da União Europeia sobre o comércio.

O índice Dow Jones subiu 0,68 por cento, a 25.414 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,91 por cento, a 2.846 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 1,17 por cento, a 7.932 pontos.

O índice S&P 500 saltou mais de 0,5 por cento na última meia hora de negociação com a notícia das concessões e fechou em seu nível mais alto desde 29 de janeiro.

Trump disse que os Estados Unidos e a União Europeia concordaram em trabalhar para eliminar tarifas sobre bens industriais e aumentar as exportações dos EUA de gás natural liquefeito e soja para a Europa.

O S&P e o Nasdaq já haviam sido impulsionados no início do pregão por ganhos no setor de tecnologia. As ações do Facebook e da Microsoft atingiram recordes durante a sessão e fecharam com altas de 1,3 e 2,9 por cento, respectivamente. As notícias otimistas em relação ao comércio ajudaram o Dow Jones a reverter as perdas anteriores nesta sessão. Ele havia sofrido com as ações da Boeing, que reportou custos mais altos para o seu programa de reabastecimento aéreo. Os papéis fecharam em queda de 0,7 por cento.

“Uma vez que você tenha uma boa notícia sobre evitar uma guerra comercial, o mercado estava preparado para subir, com base no fato de que os lucros foram fortes e os dados econômicos fortes”, disse Michael Antonelli, diretor administrativo de vendas institucionais na Robert W. Baird, em Milwaukee.