Bolsas da Ásia sobem após Wall Street encerrar estável

Às 7h56 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão avançava 0,16 por cento

Cingapura/Tóquio – A maioria das ações asiáticas avançou nesta quinta-feira, em meio às crescentes apostas de que o Banco Central Europeu (BCE) vai adotar mais estímulos em breve, mesmo que o Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, esteja pronto para elevar os juros.

Às 7h56 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão avançava 0,16 por cento, após Wall Street encerrar as operações da sessão anterior perto da estabilidade antes do feriado de Ação de Graças nos Estados Unidos. O índice Nikkei do Japão encerrou as operações com alta de 0,49 por cento.

Já o índice de Xangai recuou 0,34 por cento e o índice Hang Seng, do Hong Kong, caiu 0,04 por cento, enquanto em Taiwan e na Coreia do Sul os índices subiram mais de 1 por cento.

Dados melhores do que os esperados de pedidos de auxílio-desemprego e de encomendas de bens duráveis nos EUA compensaram as leituras mais fracas do que o esperado da inflação e confiança do consumidor, o que não deu aos investidores razão alguma para acreditar que o Fed não vai elevar a taxa de juros.