Bolsas asiáticas fecham em direções divergentes

O índice Hang Seng, de Hong Kong, caiu 0,45%, para 23.261,08 pontos, com a queda dos produtores de energia da China

Tóquio – Os mercados de ações da Ásia fecharam em direções divergentes nesta quarta-feira, com um declínio acentuado em empresas start-ups pressionado o pregão em Xangai. Além disso, as companhias do setor de energia lideraram a Bolsa de Hong Kong para o terreno negativo.

O índice Hang Seng, de Hong Kong, caiu 0,45%, para 23.261,08 pontos, com a queda dos produtores de energia da China. A forte estreia da segunda maior oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) do pregão local neste ano tampouco conseguiu elevar o sentimento dos investidores.

Os produtores independente de energia da China estão sendo prejudicados por causa de uma possível restrição à importação de carvão, disse o UBS em uma nota. A China Resources Power caiu 4,5%, a Huadian Power recuou 8,7% e a Huaneng Power perdeu 8,3%.

A China Galaxy Securities, que arrecadou 1,07 bilhões de dólares de Hong Kong através de seu IPO, fechou em alta de 6,0%. A sessão da manhã de Hong Kong foi cancelada devido a fortes chuvas.

O índice Xangai Composto terminou em baixa de 0,1%, aos 2.302,40 pontos, com um declínio acentuado no mercado ChiNext, uma plataforma no estilo da Nasdaq para start-ups. O recuou na ChiNext acabou prejudicando o sentimento dos investidores.

As empresas listadas no mercado ChiNext são geralmente aquelas que atuam na criação de produtos de alta tecnologia e materiais que respeitam o meio ambiente.

Por mais que elas tenham ganhos relativamente menores, as ações dessas empresas subiram neste ano com esperanças de que elas se beneficiariam da mudança da base econômica chinesa, de investimento, para consumo.


Entre as grandes quedas, a Huayi Brothers Media caiu 6,3%, após um ganho de 10% nas três sessões anteriores, e a Xiamen 35.Com Technology mergulhou 7,6%, após alta de 12% no mesmo período.

Na Austrália, o índice S&P/ASX 200, da Bolsa de Syndey, fechou em queda de 0,3%, aos 5.165,4 pontos, embora algumas grandes mineradoras tenham terminado em terreno positivo. A Rio Tinto adicionou 1,8% e a BHP Billiton subiu 1,3%, depois que os preços do ferro à vista subiram pela primeira vez em duas semanas.

A Seven West Media caiu 7,9% depois que a empresa de private equity KKR & Co. vendeu sua participação na empresa.

O índice Kospi, da Bolsa de Seul, subiu 0,6%, para 1.993,83 pontos. O sentimento do mercado foi impulsionado por comentários de autoridades do Federal Reserve, dos EUA, na terça-feira que minimizaram a possibilidade de um recuo no programa de estímulo do banco central.

Além disso, o resultado de reunião de política monetária do Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês), em não foram apresentadas novas medidas de flexibilização que podem enfraquecer o iene, também ajudou o mercado, tendo em vista que uma moeda japonesa mais fraca poderia prejudicar os exportadores coreanos.

As ações nas Filipinas e em Taiwan terminaram em alta nesta quarta-feira, influenciadas pelos ganhos em Wall Street na terça-feira. O índice Taiwan Weighted subiu 0,2%, para 8.398,84 pontos, e o índice PSEi avançou 0,8% para fechar em 7.385,07 pontos.

Além de Wall Street, os investidores em Manila se anteciparam ao aumento de liquidez que deverá ocorrer depois que o banco central decidiu limitar o acesso a suas contas especiais de depósito.

“Definitivamente, o movimento do banco central vai levar a taxas de juros mais baixas e liberar mais liquidez. Parte disso pode encontrar seu caminho para o mercado de ações”, disse April Lee-Tan, diretora de pesquisa da COL Financial. As informações são da Dow Jones.