Bolsa de Tóquio sobe 1,2% com Softbank e alta do euro

O índice Nikkei subiu 105,24 pontos e terminou aos 8.806,55 pontos

Tóquio – A Bolsa de Tóquio fechou novamente em alta acentuada nesta quarta-feira. A cobertura de vendas a descoberto no Softbank e o fortalecimento do euro em relação ao iene ajudaram a alimentar um rali no mercado amplo, forte o suficiente para superar a fraqueza nas fortemente ponderadas ações relacionadas a chips, após a divulgação de perspectivas decepcionantes da Intel para o terceiro trimestre.

O Nikkei subiu 105,24 pontos, ou 1,2%, e terminou aos 8.806,55 pontos, após alta de 1,4% na sessão de terça-feira. Foi o primeiro fechamento acima dos 8.800 pontos desde 5 de outubro. O volume de negociações subiu para 1,83 bilhão de ações, o maior desde 20 de setembro.

“O clima de aversão ao risco está gradualmente perdendo o efeito”, disse Hiroichi Nishi, gerente geral de ações da SMBC Nikko Securities, ao observar que a alta do euro para o maior nível em um mês sobre o iene foi ajudada pela notícia de que a Alemanha irá apoiar uma linha de crédito de precaução para a Espanha.

Softbank saltou 5,6%, em disparada pelo segundo pregão seguido, na sequência da confirmação de sua compra da norte-americana Sprint Nextel. Os pesos pesados Fast Retailing e Fanuc adicionaram 2,2% e 1,9%, respectivamente. Entre as tecnológicas, Advantest deslizou 2,2% e Tokyo Electron recuou 0,3%. As informações são da Dow Jones.