Bolsa de Londres sobe com expectativas de estímulos do BCE

Às 8h23 (horário de Brasília), o índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 avançava 0,57 por cento

As ações europeias subiam nesta quinta-feira, impulsionadas pelas crescentes expectativas de uma ação agressiva do Banco Central Europeu (BCE) na próxima semana, enquanto um resultado trimestral sólido da fabricante de chips Infineon e uma recuperação nos preços dos metais também davam suporte.

Às 8h23 (horário de Brasília), o índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 avançava 0,57 por cento, a 1.511 pontos, após subir 1,4 por cento na quarta-feira, enquanto o índice de blue chips da zona do euro Euro Stoxx 50 subia 0,8 por cento para 3.489 pontos.

“As expectativas em torno do BCE estão muito altas e isto está levando os mercados europeus a subir, enfraquecendo o euro e ajudando-os a ter um desempenho melhor do que o das ações norte-americanas”, disse o chefe de pesquisa e investimento da Cassa Lombarda, Marco Valiati.

“Creio e espero que o BCE não vai decepcionar, mas estou ciente de que não será assim tão fácil”, acrescentou.

As ações da Infineon subiam 12,12 por cento após a fabricante de chips industriais e automobilísticos divulgar um resultado operacional trimestral melhor do que o esperado e prometer aumento nas receitas para o ano financeiro no nível das expectativas máximas dos analistas.

A companhia também propôs um aumento de dividendo maior do que o esperado, de 0,20 euro por ação.

As ações automobilísticas também estavam sob demanda, com alta de 2,45 por cento, ajudado pelos ganhos de da Volkswagen.

O Baader Bank Helvea confirmou sua recomendação de “manutenção” das ações da companhia e disse que permanece cauteloso devido às incertezas com os futuros custos relacionados ao escândalo de emissão dos motores a diesel.