Bitcoin supera marca de US$ 8 mil com rali de criptomoedas

Foi o maior salto de um dia da Bitcoin desde 2014, segundo análise dos dados

(Bloomberg) — A Bitcoin superou a marca de US$ 8 mil pela primeira vez em cerca de 10 meses nesta terça-feira, batendo outro recorde em meio à forte demanda por criptomoedas.

O avanço nesta terça-feira do token digital de maior circulação segue uma valorização de 25% no dia anterior – o maior salto de um dia da Bitcoin desde 2014, segundo análise dos dados.

Outras criptomoedas se valorizaram na esteira da Bitcoin. O índice Bloomberg Galaxy Crypto, que acompanha uma cesta com os maiores ativos digitais, mostrou alta de 8,9%.

Agora, com seu maior período de alta desde 2013 considerando cotações em dias úteis, a Bitcoin mostra valorização de 150% em relação ao recorde de baixa em dezembro, com a maior parte dos ganhos concentrados a partir de abril, após meses de relativa inatividade. Segundo especialistas, vários motivos explicariam o novo impulso, como a retomada da demanda por investidores institucionais.