Bitcoin futuro começa a ser negociado no CME Group

Na estreia realizada ontem, o primeiro contrato com vencimento em janeiro saltou quase 6% com a primeira transação, a US$ 20.650

Chicago – O CME Group, maior operadora de bolsas do mundo, iniciou negócios com bitcoin futuro neste domingo, uma semana depois de a rival Cboe Global Markets lançar um contrato similar lastreado na moeda virtual.

A estreia do bitcoin futuro no CME foi às 21h (de Brasília) de ontem. O primeiro contrato com vencimento em janeiro saltou quase 6% com a primeira transação, a US$ 20.650, antes de cair para US$ 18.750 após várias horas de negócios.

O próprio bitcoin teve forte queda após a estreia do futuro no CME. Nesta manhã, a criptomoeda operava em torno de US$ 18.900, segundo a CoinDesk, depois de ter se aproximado da marca de US$ 20.000 no domingo.

Desde o começo do ano, o bitcoin acumula valorização de cerca de 1.800%, tornando-se atraente para investidores no mundo inteiro.

Os futuros de bitcoin permitem a operadores apostar se seus preços subirão ou cairão, oferecendo a firmas de Wall Street a oportunidade de negociá-los em mercados conhecidos e regulados.