BicBanco no menor preço desde junho de 2009 com queda de lucro

Ações do banco chegaram a cair 8,9% depois da divulgação da diminuição de 32% no lucro do trimestre

São Paulo – O Banco Industrial e Comercial SA recuou para o menor preço em mais de dois anos depois de registrar queda no lucro do segundo trimestre.

O BicBanco recuava 6,2 por cento às 12:04, para R$ 6,95 por ação na BM&FBovespa, o menor preço desde junho de 2009. O papel chegou a cair 8,9 por cento. O Ibovespa recuava 2,1 por cento para 50059,60 pontos.

O BicBanco apresentou “números muito fracos”, disseram analistas da Bradesco Corretora, incluindo Carlos Firetti, em nota a clientes. O aumento das provisões para empréstimos de liquidação duvidosa foi a principal razão para o resultado “decepcionante”, disseram os analistas.

O BicBanco teve lucro líquido de R$ 66,9 milhões no segundo trimestre, uma queda de 32 por cento em relação ao mesmo período do ano anterior, segundo comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários. O banco disse que gastou R$ 136,5 milhões com provisões no trimestre, acima dos R$ 35,7 milhões do segundo trimestre de 2010.