BCE retira do mercado 59 bilhões de euros

Frankfurt – O Banco Central Europeu (BCE) retirou do mercado hoje 59 bilhões de euros, que correspondem à dívida adquirida até 2 de julho, a uma taxa marginal de 0,75% para evitar o aumento da inflação.

Conforme o BCE, 88 bancos comerciais da zona do euro ofereceram a quantidade na operação de retirada de liquidez, com uma semana de vencimento, a uma taxa mínima de 0,29%, máxima de 1% e média de 0,56%.

Essa quantia foi retirada pelo BCE que tinha previsto absorver em função da dívida que adquiriu. A operação será liquidada amanhã e vence em sete dias (em 14 de julho).

O banco europeu informou ontem que a compra de dívida pública ascende atualmente a 59 bilhões de euros.