Base monetária da zona do euro tem alta de 4,9% em setembro

Na média móvel de três meses até setembro, a oferta monetária mostrou alta de 5,0%, vindo em linha com a projeção do mercado

Frankfurt – A base monetária (M3) da zona do euro, uma ampla medida do dinheiro disponível no bloco, subiu 4,9% em setembro ante igual mês do ano passado, segundo dados divulgados hoje pelo Banco Central Europeu (BCE).

O resultado ficou um pouco abaixo da expectativa de analistas consultados pela Dow Jones Newswires, que previam aumento de 5,0%.

Na média móvel de três meses até setembro, a oferta monetária mostrou alta de 5,0%, vindo em linha com a projeção do mercado.

Os empréstimos ao setor privado, por sua vez, cresceram 0,6% na comparação anual de setembro, após avançarem em ritmo mais forte no mês anterior, de 1,0%.