As gigantes latinas que mais ganharam valor neste ano

Petrobras lidera o ranking de companhias latinas que mais ganharam valor de mercado desde o início do ano

São Paulo — De todas as empresas de capital aberto da América Latina, a Petrobras foi a que mais ganhou valor de mercado desde o início deste ano. De janeiro ao final de abril, a petroleira ficou quase 22 bilhões de dólares mais valiosa.

Os números são de um levantamento da provedora de informações financeiras Economatica.

Em linhas gerais, o valor de mercado de uma empresa é dado pela soma de todas as suas ações — excluindo as que estão em tesouraria — pela sua cotação em determinada data.  No ano, as ações preferenciais da Petrobras acumulam ganhos de quase 42% enquanto as ordinárias subiram mais de 45%.

Em segundo lugar na lista aparece a colombiana Ecopetrol, com um acréscimo de 13 bilhões de dólares no valor de mercado, e o brasileiro Itaú Unibanco, que viu seu valor passar de 78,2 bilhões de dólares para 89 bilhões de dólares nos últimos quatro meses.

Empresa País Valor de mercado em 26/04/18 Quanto ganhou em valor de mercado no ano
Petrobras Brasil US$ 88,2 bilhões US$ 22,9 bilhões
Ecopetrol Colômbia US$ 43,8 bilhões US$ 13,3 bilhões
Itaú Unibanco Brasil US$ 89,0 bilhões US$ 10,7 bilhões
Vale Brasil US$ 72,3 bilhões US$ 9,1 bilhões
Compañia General de Electricidad Chile US$ 9,1 bilhões US$ 6,9 bilhões
Suzano Brasil US$ 12,5 bilhões US$ 6,3 bilhões
Wal Mart de México México US$ 48,1 bilhões US$ 5,3 bilhões
Santander Brasil Brasil US$ 41,1 bilhões US$ 5 bilhões
America Movil México US$ 61,2 bilhões US$ 4,3 bilhões
Bradesco Brasil US$ 64,2 bilhões US$ 3,6 bilhões
Ambev Brasil US$ 104,6 bilhões US$ 3,6 bilhões
Tenaris Argentina US$ 21,9 bilhões US$ 3,5 bilhões
Banco do Brasil Brasil US$ 29,7 bilhões US$ 2,9 bilhões
Fibria Brasil US$ 10,7 bilhões US$ 2,7 bilhões
Credicorp Peru US$ 22,0 bilhões US$ 2,4 bilhões