As ações que mais caíram (e as que subiram) em março

Ibovespa fechou o mês com perdas de 2,5%. Veja as ações que tiveram os maiores ganhos e as maiores perdas no período

São Paulo — Pela primeira vez no ano, o Ibovespa terminou um mês no vermelho. Em março, o principal índice da bolsa fechou com queda acumulada de 2,5%.  O desempenho foi influenciado pelo recuo no preço das commodities  e pela instabilidade no cenário político interno.

Quem caiu

Dos 59 papéis que compõem o Ibovespa, 34 fecharam março com perdas. No período, quem registrou a maior queda foi a Companhia Siderúrgica Nacional, que viu suas ações despencarem quase 24%.

Os investidores da companhia reagiram à queda no preço dos minérios e a notícia de que a empresa não apresentará as demonstrações financeiras referentes ao ano de 2016 dentro do prazo legal estipulado.

Empresa Ativo Variação em março Preço
CSN CSNA3 -23,96% R$ 9,20
Eletrobras ELET3 -20,43% R$ 17,21
Santander SANB11 -19,53% R$ 28,19
Gerdau GGBR4 -15,91% R$ 10,70
Gerdau GOAU4 -15,53% R$ 4,98
JBS JBSS3 -12,74% R$ 10,30
Vale VALE5 -10,47% R$ 28,53
Usiminas USIM5 -9,94% R$ 4,42
Vale VALE3 -8,95% R$ 30,10
Marfrig MRFG3 -8,64% R$ 5,77

 

Quem subiu

As ações da Natura foram as que mais valorizaram no mês, com alta acumulada de quase 14%. No último dia 21, a fabricante de  cosméticos comunicou ao mercado que passará a ter uma nova estrutura organizacional, com unidades de negócios para cada canal de vendas.

Empresa Ativo Variação em março Preço
Natura NATU3 13,81% R$ 28,73
Ultrapar UGPA3 11,01% R$ 72,24
Smiles SMLE3 10,15% R$ 62,98
Lojas Renner LREN3 9,11% R$ 27,82
Localiza RENT3 8,65% R$ 41,75
Fibria FIBR3 8,62% R$ 27,31
Hypermarcas HYPE3 7,05% R$ 29,26
Cetip CTIP3 5,91% R$ 49,05
Estácio ESTC3 5,87% R$ 15,57
Qualicorp QUAL3 4,77% R$ 20,36

Veja também