Ambev ganha fôlego e já deixa Ibovespa para trás em 2015

As ações da Ambev avançavam 2,6%, impulsionadas pela notícia de que o Cade aprovou a formação de joint venture entre a cervejaria e a Whirlpool

São Paulo – As ações da Ambev avançavam 2,6% na máxima desta terça-feira, impulsionadas pela notícia de que o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem nenhuma restrição, a formação de joint venture entre a cervejaria e a empresa de eletrodomésticos Whirlpool.

Neste negócio, a Whirlpool constituirá uma empresa exclusivamente para pesquisa, desenvolvimento, produção, venda, distribuição, comercialização, importação e exportação das chamadas máquinas B.Blend, eletrodoméstico que produz diversos tipos de bebidas com a utilização de cápsulas. Posteriormente, Ambev e Whirlpool dividirão o controle da nova empresa, tendo, cada uma, 50% de seus papéis.

“A joint venture permitirá a expansão das variedades de cápsulas disponíveis para o equipamento, abrangendo, dentre outros, refrigerantes, isotônicos, chás, cafés, bebidas energéticas e sucos, bem como possivelmente cervejas e bebidas maltadas”, afirma o documento enviado ao Cade.

No acumulado de 2015, as ações da Ambev registram alta de 14%, enquanto o Ibovespa sobe 2,3%. O valor de mercado da fabricante de bebidas é de 284 bilhões de reais.