Amanhã é o último dia para entrar no IPO do FII SP Downtown

O fundo imobiliário vai investir em dois imóveis na região central de São Paulo

São Paulo – Encerra-se nesta sexta-feira o período de reserva de cotas do fundo de investimento imobiliário SP Downtown. Gerido pela Brasil Plural, o fundo de 180 milhões de reais vai investir em dois imóveis, ambos de forma indireta (CRI e LCI). 

O fundo investirá em dois edifícios comerciais de médio padrão chamados de “Belenzinho” e “Badaró”, na região central da cidade de São Paulo.

Ambos imóveis são locados pela empresa de call center Atento Brasil, vendida pela Telefônica ao grupo americano Bain Capital em outubro de 2012 por 1,3 bilhão de dólares. A Bain foi co-fundada pelo ex-candidato à presidência dos Estados Unidos pelo Partido Republicano Mitt Romney.

Segundo o prospecto da oferta do fundo, a projeção de rendimento é de 9,25% no primeiro ano, de 9,5% no segundo ano e de 11,6% após 11 anos. 

Na opinião da equipe de análise da Empiricus, apesar do fundo ter um yield alto, o risco também é muito grande. “São apenas dois empreendimentos, com um único locatário – uma empresa média, de credibilidade média”, afirmam os analistas. 

Além disso, a expectativa é de que, diferente dos fundos de bancos (como Santander Agências e BB Progressivo), o SP Downtown não tenha tanta liquidez, e por consequência sua valorização poderá ser limitada. 

Veja abaixo o prospecto da oferta do fundo SP Downtown: