Ágora reduz estimativa para ação da Gerdau, mas ainda recomenda compra

Lucro operacional na divisão de aço deve ser menor, aponta analista

São Paulo – A Ágora, corretora do Bradesco, reduziu a estimativa para o preço-alvo dos papéis da Gerdau (GGBR4) de 23 reais para 22 reais, um potencial de valorização de 34,7%. Embora tenha diminuído a expectativa de alta do papel, a recomendação continua sendo de compra.

Em relatório enviado para clientes, o analista Aloisio Lemos afirma que a alteração acontece após uma redução na expectativa de Ebitda (lucros antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) na divisão de aço da empresa.

Com essa redução, a expectativa do ebitda da Gerdau passou de 5,450 bilhões de reais para 4,885 bilhões de reais neste ano. Os valores para 2013 (de 6,518 bilhões de reais para 6,162 bilhões de reais) e 2014 (de 7,548 bilhões de reais para 6,713 bilhões de reais) também caítam.

“Porém, um fator compensador, foi o amadurecimento do projeto de mineração, que nos levou a dar mais peso a esse segmento em nosso modelo”, afirmou o analista.

Ele afirma que ainda acredita que a empresa tem bons fundamentos, embora esse fator já esteja em boa parte precificado. “Ainda vemos potencial para a divisão de mineração”, disse.
http://d1nfmblh2wz0fd.cloudfront.net/items/loaders/loader_1063.js?aoi=1311798366&pid=1063&zoneid=14729&cid=&rid=&ccid=&ip=