Ações recuam com euro forte afetando resultados corporativos

Euro forte afetava a seguradora AXA e a montadora Renault, enquanto levava a Schneider Electric a reduzir suas estimativas de lucro

Londres – As ações europeias apresentavam leve queda nesta sexta-feira, afetadas por resultados corporativos fracos, levando investidores a travar os lucros no final da terceira semana consecutiva de ganhos no mercado.

Às 8h (horário de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 operava em queda de 0,04 por cento, a 1.285 pontos.

Um euro forte afetava a seguradora francesa AXA e a montadora Renault, enquanto levava a fabricante de equipamentos elétricos Schneider Electric a reduzir suas estimativas de lucro para o ano.

O euro subiu para máximas em dois anos, com a força da moeda tornando mais díficil para os exportadores europeus competirem nos preços e reduzindo o valor doméstico da moeda em seus lucros no exterior.

Resultados fracos também pesavam sobre a fabricante de eletrodomésticos Electrolux e a fabricante de caminhões Volvo.