Ações operam perto da estabilidade de olho em Ucrânia

S&P 500 atingia máximas recordes

Nova York – As ações dos Estados Unidos operavam perto da estabilidade nesta sexta-feira após de um relatório de emprego inesperadamente forte, com os ganhos limitados pelas tensões persistentes na Ucrânia, com o S&P 500 em máximas recordes.

Os empregadores norte-americanos abriram 175 mil vagas no mês passado, superando a expectativa de 149 mil, após criarem 129 mil em janeiro, informou o Departamento do Trabalho nesta sexta-feira. A taxa de desemprego, no entanto, subiu para 6,7 por cento ante mínima de cinco anos de 6,6 por cento.

Às 14h06 (horário de Brasília), o indicador Dow Jones subia 0,15 por cento, a 16.446 pontos, a caminho da segunda semana consecutiva de ganhos. O S&P 500 tinha desvalorização de 0,08 por cento, a 1.875 pontos, enquanto o índice de tecnologia Nasdaq perdia 0,52 por cento, a 4.329 pontos.

Os operadores permanecem cautelosos antes do fim de semana, com o S&P 500 em níveis recordes em meio à crise na Ucrânia.

O presidente russo, Vladimir Putin, rejeitou a advertência do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, sobre a intervenção militar de Moscou na Crimeia, afirmando nesta sexta-feira que a Rússia não pode ignorar pedidos de ajuda de cidadãos de língua russa na Ucrânia.