Ações europeias sobem com ganhos do Credit Suisse

As ações de viagens e lazer tinham desempenho ruim pelo segundo dia seguido, com o setor continuando a sentir os efeitos dos ataque em Bruxelas

As ações europeias subiam nesta quarta-feira após a queda na sessão anterior na sequência dos ataques em Bruxelas, com os papéis do Credit Suisse subindo após notícias de novos cortes de custos.

Às 8h26 (horário de Brasília), o índice das principais ações europeias FTSEurofirst 300 tinha alta de 0,3%, a 1.342 pontos, enquanto o índice de blue chips da zona do euro Euro Stoxx 50 subia 0,43% para 3.064 pontos.

O Credit Suisse subia 1,4% após anunciar cortes de custos adicionais de 800 milhões de francos suíços e que planeja encolher seu banco de investimento ainda mais, enquanto segue com seu plano de reestruturação voltado para a revitalização de seus lucros.

Entre as maiores altas, o grupo de tecnologia Hexagon avançava após o Morgan Stanley elevar sua classificação para “overweight”, de “equal weight”.

As ações de viagens e lazer tinham desempenho ruim pelo segundo dia seguido, com o setor continuando a sentir os efeitos do ataque de terça-feira em Bruxelas.

O índice do setor STOXX Europe 600 Travel & Leisure Index caía 0,15%, ampliando a queda de 1,8% da sessão anterior.