Ações da argentina Decolar.com estreiam em alta em bolsa dos EUA

Oferta de 12,8 milhões de ações foi precificada em 26 dólares, no topo da proposta, levantou cerca de 332 milhões de dólares em recursos

As ações da argentina Decolar.com subiam mais de 18 por cento em sua estreia no mercado de ações dos Estados Unidos nesta quarta-feira, o que levou a agência de viagens online apoiada pela Expedia a ser avaliada em 1,96 bilhão de dólares.

A oferta de 12,8 milhões de ações foi precificada em 26 dólares, no topo da proposta de 23 a 26 dólares, levantando cerca de 332 milhões de dólares em recursos.

O papel abriu cotado a 29 dólares na abertura do pregão na Bolsa de Valores de Nova York e no início da tarde subia 18,8 por cento, a 30,80 dólares.

O valor de mercado bilionário da Decolar (Despegar, em espanhol), sediada em Buenos Aires, a torna uma das primeiras empresas “unicórnio” –startups com valor igual ou acima de 1 bilhão de dólares– do setor de viagens da América Latina.

O site da Decolar e o aplicativo móvel fornecem passagens aéreas, pacotes de viagens e reservas de hotéis, atendendo principalmente a clientes latino-americanos. Para serviços de reserva de hotéis fora da região, a Decolar depende da Expedia com base nos Estados Unidos, o agente de viagens online número 2 do mundo.

O Brasil é um dos maiores mercados da Decolar.

O IPO da Decolar acontece em meio às expectativas de que as reservas online de viagens na América Latina aumentarão à medida que a população da classe média da região cresça e se beneficie com mais acesso a smartphones e à Internet.

Antes da oferta, a Expedia possuía uma participação de 16,4 por cento na Decolar, que comprou por 270 milhões de dólares em 2015.

O fundo de hedge norte-americano Tiger Global Management é o maior acionista da Decolar com uma participação pré-IPO de 57,3 por cento. O General Atlantic Partners é outro importante investidor.