Ações europeias caem puxadas por papéis cíclicos

Os mercados estavam sustentados por expectativas de mais medidas de estímulo de bancos centrais

Londres – As ações europeias caíam nesta quarta-feira, lideradas por quedas nas ações cíclicas, devido a preocupações com o crescimento abastecidas por dados fracos de exportação do Japão. Por outro lado, os mercados seguiam sustentados por expectativas de mais medidas de estímulo de bancos centrais.

O setor de mineração, com perdas de 1,76 por cento, tinha o pior desempenho, uma vez que os resultados da BHP Billiton feriam o sentimento. A BHP caiu 1,7 por cento depois de adiar um projeto de cobre no valor de 20 bilhões de dólares, uma vez que reportou uma queda de 35 por cento no lucro no segundo semestre devido a preços mais baixos de commodities e greves.

“O mercado está em queda por causa de preocupações renovadas com o crescimento global depois dos números de exportação mais fracos que o esperado do Japão”, afirmou o estrategista de ações do HSBC, Robert Parkes.

As exportações do Japão caíram 8,1 por cento em julho segundo a base anual, a maior queda em seis meses, prejudicadas por colapsos nos embarques para a Europa e por uma forte queda nas vendas para a China.

Às 8h03 (horário de Brasília), o índice das principais ações europeias perdia 0,93 por cento, para 1.099 pontos, depois de ter avançado 0,4 por cento na sessão anterior, com volume de apenas dois terços da média diária de 90 dias.