Ação da Kodak está mal na foto

Papéis despencam 60% com rumores de pedido de falência

São Paulo – As ações da Eastman Kodak estão em queda livre nesta sexta-feira. Os papéis recuam aproximadamente 60% após uma matéria publicada na Bloomberg sugerir que a empresa está buscando alternativas para uma reestruturação e que um pedido de falência estaria entre as alternativas.

O The Wall Street Journal revelou ainda que a empresa contratou hoje o escritório de advocacia Jones Day para dar andamento ao processo. A Kodak não confirmou a contratação dos consultores e disse que não considera a opção de um pedido de falência. A empresa só apresentou um resultado anual positivo desde 2005.

De acordo com a Bloomberg, algumas empresas, incluindo o Google, estariam interessadas em comprar patentes da Kodak, mas aguardam para saber se ela irá ou não se declarar insolvente. A negociação das patentes poderia levantar 3 bilhões de dólares à Kodak, segundo cálculos da MDB Capital Group.