10 notícias para lidar com os mercados nesta sexta-feira

Crescimento da França foi nulo no segundo trimestre de 2012; fuga de capitais da Espanha alcança 235 bilhões de euros

São Paulo – Aqui está o que você precisa saber.

1- Crescimento da França foi nulo no segundo trimestre de 2012. O crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) da França foi nulo (0%) no segundo trimestre de 2012 em relação ao precedente, segundo dados publicados nesta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INSEE). Trata-se do terceiro trimestre consecutivo de crescimento nulo, destacou o INSEE, que lembrou que em 2011 o aumento do PIB foi de 1,7%. 

2- Sony quer se tornar maior acionista da Olympus. A Sony vai desembolsar 50 bilhões de ienes (643,5 milhões de dólares) para se tornar a maior acionista da Olympus e criará uma empresa com a deficitária fabricante japonesa de câmeras e endoscópios para desenvolver equipamentos médicos. Em um acordo amplamente sinalizado, a Sony afirmou em comunicado que terá uma fatia de 11,46 por cento após adquirir novas ações emitidas pela Olympus. As duas companhias também buscarão formas de atuar em parceria no segmento de câmeras digitais. 

3- CCR aprova R$953,4 mi em dividendos intermediários. O conselho de administração da CCR aprovou a distribuição de 953,4 milhões de reais em dividendos intermediários, informou a empresa nesta quinta-feira em ata de reunião. O valor corresponde a 0,54 real por ação ordinária e, desse total, 500 milhões de reais serão distribuídos a partir da conta de lucros apurados no primeiro semestre deste ano. 

4- TIM descarta captar recursos no mercado neste ano. A TIM não prevê captações até o fim do ano, afirmou nesta quinta-feira (27) o diretor de Relações com Investidores da companhia, Rogério Tostes, embora tenha destacado que “descartar” operações seria “muito forte”. Tostes também disse que o impacto da suspensão de vendas de chips por determinação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) foi “imaterial”, com redução abaixo de 1% na receita do terceiro trimestre. 

5- Fuga de capitais da Espanha alcança 235,375 bilhões de euros. Um total de 235,375 bilhões de euros saíram da Espanha nos sete primeiros meses do ano como consequência da fuga de investimentos.No mesmo período de 2011, o saldo era positivo e acumulava uma entrada líquida de capital de 17,689 bilhões, de acordo com os dados da balança de pagamentos publicados nesta sexta-feira pelo Banco da Espanha.A fuga de capitais do país até o mês de julho representa o número mais alto de toda a série histórica. 


6- Bolsas da Ásia fecham em alta com fator China. Os mercados asiáticos fecharam a semana e o mês no campo positivo. Nesta sexta-feira, os investidores se pautaram pelas expectativas de boas notícias vindas da China e da zona do euro. 

7- Ações europeias nulam ganhos e caem em pregão volátil. As ações europeias reverteram ganhos iniciais e caíam nesta sexta-feira, num pregão volátil, com o sentimento vulnerável aos resultados dos testes de estresse dos bancos da Espanha e à revisão do rating de crédito do país pela agência de classificação de risco Moody’s previstos para esta sexta-feira.

8- Inflação registra alta na Espanha em setembro. A inflação na Espanha registrou uma forte alta de 3,5% em ritmo anual em setembro, primeiro mês em que foi aplicado o aumento do IVA para ajustar as contas públicas, segundo dados provisórios do Instituto Nacional de Estatísticas (INE).

9- Anhanguera e Estácio superam globais com crédito em alta. As ações da Anhanguera Educacional Participações SA, maior universidade privada do Brasil, e as de suas duas maiores concorrentes brasileiras estão superando seus pares globais. O setor está sendo impulsionado pelo aumento do crédito. Os empréstimos estudantis triplicaram após o governo cortar as taxas de juros e facilitar a quitação dos débitos. 

10- RIM registra perdas menores e reservas aumentam. Research In Motion informou um prejuízo menor que o esperado na quinta-feira e a fabricante do BlackBerry, que enfrenta uma crise, reforçou suas reservas de caixa, gerando otimismo antes do lançamento da sua linha da próxima geração de smartphones.As remessas de BlackBerrys foram de 7,4 milhões no trimestre, ultrapassando a expectativa de Wall Street, de 6,9 milhões.

Com Agência Estado, Bloomberg, EFE, Reuters.