10 notícias para lidar com os mercados nesta sexta-feira

Lucro do BTG Pactual dobra no 2º tri para R$822 milhões; preços de cereais mantém trajetória de alta em Chicago

São Paulo — Aqui está o que você precisa saber. 

1- Gafisa reverte prejuízo com lucro de R$ 1 mi no 2º tri. A Gafisa fechou o segundo trimestre com lucro líquido de 1 milhão de reais, revertendo resultado negativo de 31,8 milhões de reais no mesmo período do ano passado, anunciou a companhia nesta sexta-feira. 

2- Manchester United lança ações por US$ 14 em Wall Street. O Manchester United definiu que lançará suas ações em Wall Street por US$ 14 cada uma nesta sexta-feira, pelo que arrecadará cerca de US$ 232 milhões. O clube inglês, propriedade da família Glazer desde 2005, estreará na Bolsa de Nova York (Nyse) sob o símbolo “MANU”, após lançar 16,6 milhões de ações.

3- Lucro do BTG Pactual dobra no 2º tri para R$822 mi. O banco BTG Pactual apresentou nesta quinta-feira lucro líquido de 822 milhões de reais para o segundo trimestre, mais do que dobrando o ganho de 310 milhões de reais obtido um ano antes. O número ficou bem acima da média de cinco estimativas obtidas pela Reuters, que apontava lucro de 586 milhões de reais para a companhia. 

4- Lucro diminui, mas Renner tem receita 14% maior no 2º tri. Driblando a desaceleração generalizada vivida pelo setor de consumo este ano, a Lojas Renner fechou o segundo trimestre com crescimento de 14,2 por cento na receita líquida, mas viu o lucro diminuir principalmente por maiores despesas. A varejista de vestuário teve receita líquida de 955,5 milhões de reais entre abril e junho, enquanto as vendas mesmas lojas –que consideram aquelas em operação há pelo menos 12 meses– cresceram 3,4 por cento no período.

5- Raia Drogasil lucra R$49,3 mi no tri e reduz previsões. A Raia Drogasil anunciou nesta quinta-feira lucro líquido de 49,3 milhões de reais para o segundo trimestre, após ganho de 44,1 milhões em igual período do ano passado. A companhia também informou nesta quinta-feira que iniciará o processo de incorporação da Raia, além de ter revisado as projeções de aberturas de novas unidades em 2012.


6- Exportações da China desaceleram e crescem só 1% em julho. As exportações da China cresceram 1% em julho com relação ao mesmo mês de 2011, contra o índice de 11,3% que fora registrado em junho.

7- Bolsas da Ásia têm queda com dados sobre China. Os principais mercados asiáticos fecharam no campo negativo nesta sexta-feira. Parte das bolsas da região acabou influenciada pelos fracos dados da balança comercial chinesa, que diminuíram as esperanças de uma recuperação econômica da China no terceiro trimestre.

8- Chicago: preços de cereais mantém trajetória de alta. Os preços dos contratos futuros agrícolas mantiveram sua trajetória de alta nesta quinta-feira em Chicago, com o milho alcançando um novo recorde nesta sessão, em um mercado tenso antes da divulgação dessa sexta-feira de dados cruciais sobre a oferta e a demanda mundial.

9- Goldman aumenta sua exposição ao crédito da Espanha. O banco de investimentos Goldman Sachs aumentou sua exposição ao crédito da Espanha no primeiro semestre ao mesmo tempo em que reduziu sua exposição à Grécia, Itália, Portugal e Irlanda, segundo um documento transmitido nesta quinta-feira pelas autoridades acionárias norte-americanas.

10- GOL pode voltar a dar alegrias na bolsa, afirma banco. As ações da GOL (GOLL4) podem voltar a chamar atenção após uma expressiva queda de 16% no ano, aponta o UBS em um relatório. O banco elevou a recomendação aos papéis da companhia aérea de neutra para compra e o preço-alvo de 12,80 reais para 13,90 reais.

Bônus – Bolsa brasileira é mais resistente que economia. A bolsa de valores brasileira tem se mostrado mais resistente do que a economia do país. A BM&FBovespa enfrentou deslistagens e uma escassez de ofertas públicas iniciais (IPOs, na sigla em inglês) neste ano. É possível que logo surjam bolsas rivais, também. Mas a Bovespa continuará com domínio sobre outros negócios enquanto se expande em setores diferentes.