YouTube testa anotações com links para produtos

Clipe da grife Juice Culture exibe links para os produtos utilizados pela modelo Candace Swanepoel

São Paulo – Ao longo dos últimos dois anos, o YouTube introduziu diversos modos de rentabilizar um vídeo, além de oportunidades de mídia para os anunciantes. O recurso de anotações, porém, já muito utilizado pelos criadores de conteúdo, ainda era um território fechado. Links só para outros vídeos do próprio YouTube.

Porém, desde novembro, isso tem mudado para os usuários parceiros, que agora podem incluir anotações com links para serviços como Google Play, iTunes, Shopify, Spreadshirt, entre outros. É uma oportunidade de gerar venda diretamente através do vídeo, de aplicativos, ingressos e/ou merchandising em geral.

Aproveitando isso, a grife Juice Culture criou um clipe que é praticamente uma loja. California Dreaming, estrelado pela modelo Candace Swanepoel e dirigido por Terry Richardson, traz anotações para cada produto que aparece no vídeo, linkando diretamente para o e-commerce da marca.

Ainda não é uma utilização criativa, mas pode ser uma interação bastante eficiente na divulgação e comercialização dos produtos. O problema é que as anotações, que já são invasivas normalmente, quando inseridas dessa maneira desviam ainda mais a atenção, podendo facilmente irritar os usuários.

Iniciada em fase beta para alguns anunciantes, o recurso certamente deve evoluir no futuro, mantendo a promoção de produtos sem afastar a audiência. Portanto, espere ver muitos vídeos-loja no próximo ano.