BB faz humor com preço do PlayStation 4 em anúncio

Marca aproveitou protestos dos consumidores contra o preço do videogame no Brasil

São Paulo – O preço alto do PlayStation 4 no Brasil, que gerou repercussão desde que foi anunciado e é apontado como o mais caro do mundo, serviu de mote para uma campanha publicitária do Banco do Brasil sobre uma linha de crédito, em sua página no Facebook.

Na propaganda o banco afirma que com os 4 mil reais do preço anunciado pela Sony é possível comprar uma TV de LED 3D, fazer uma viagem e reformar a casa – ou, então, comprar o videogame com ajuda do crediário da instituição financeira. Além do anúncio, o banco comentou: “Ficou mais caro do que você esperava? Nem tudo está perdido, o BB pode te ajudar”. 

O post já ultrapassou os 7 mil likes e os 12 mil compartilhamentos, e um alcance viral de 838.400 mil pessoas, segundo dados do Facebook. O engajamento acompanha a onda de indignação dos gamers brasileiros, que usaram as redes sociais para reclamar (e fazer piada) do lançamento. 

Para Omar Barreto Lopes, gerente executivo da diretoria de marketing e comunicação do Banco do Brasil, os números refletem a estratégia da marca em investir em monitoramento das mídias, em busca de oportunidades de fazer referências aos produtos do banco “sem ser intrusivo”. “Buscamos alinhar nossos produtos à linguagem própria das mídias sociais”, defende.

“A gente tenta sempre o tempo todo oportunizar as ações para falar com o cliente. Buscamos fazer conteúdo que seja do interesse dele, que ele queira conversar a respeito”, complementa Larissa Novaes, gerente da divisão de comunicação digital do banco.