Curta da Dior tem Natalie Portman e direção de Sofia Coppola

Novo curta tem uma combinação quase imbatível de atmosfera onírica, artistas ou modelos famosas e diretores consagrados

São Paulo – Comerciais do universo fashion costumam ter uma combinação quase imbatível de atmosfera onírica, artistas ou modelos famosas e diretores consagrados, especialmente quando o produto faz parte da linha de perfumes. É exatamente esta a receita que a Miss Dior segue em La Vie en Rose, novo curta estrelado por Natalie Portman com direção de Sofia Coppola.

A história também não foge muito das paixões arrebatadoras vivenciadas por uma mulher forte e ao mesmo tempo feminina, com uma fotografia belíssima e um momento que lembra em muito Beleza Americana.

Esta é a segunda vez que Natalie e Sofia trabalham juntas em um curta para a Dior – a primeira vez foi em 2011, ao som de Je T’aime Moi Non Plus, de Serge Gainsbourg e Jane Birkin. A diretora, aliás, tem uma história antiga com a marca, assim como outros diretores como Guy Ritchie e David Lynch.