Neymar ganhou R$ 1 milhão para pedir desculpas em campanha, diz jornal

Vídeo não foi bem recebido pelo público, que julgou faltar sinceridade na mensagem

São Paulo – Se Neymar sentiu que precisava pedir desculpas com sinceridade ao povo brasileiro ou se foi obrigado a emitir um comunicado oficial sobre as polêmicas da Copa do Mundo como maneira de minimizar prejuízos financeiros e de imagem, não dá para saber.

O que dá para saber é que Neymar transformou um momento íntimo e sincero em mais um comercial para sua carreira: uma campanha da Gillette, onde o atacante fala “de cara limpa”.

O vídeo não foi bem recebido pelo público, que achou a mensagem pré-fabricada e a situação oportunista. Neymar também não soa verdadeiro, segundo críticos.

Segundo informações do jornal O Globo, Neymar teria recebido R$ 1 milhão para estrelar a campanha. Ele já tinha feito outros comerciais para a marca.

Imagina-se que um comercial para a Gillette já estava previsto para depois da Copa do Mundo. A marca imaginava, claro, que seria o vídeo da vitória, com Neymar comemorando o hexa. Teve de se adaptar à realidade.

A criação foi da agência Grey.

Sobre o valor recebido pelo jogador, a P&G, empresa da Gillette, diz que “valores [pagos em campanhas] não são abertos por políticas internas da companhia”.