Microsoft cria “scanner gigante” que detecta postura errada

Recentemente, por exemplo, a empresa provocou o público com uma ação que pedia para que deixasse seu cartão de crédito junto com a senha em um painel

As últimas ações da Microsoft vêm mostrando a estratégia da marca em promover suas novas tecnologias com intervenções reais na vida dos consumidores, para além daquilo que os produtos oferecem de fato.

Recentemente, por exemplo, a empresa provocou o público com uma ação que pedia para que deixasse seu cartão de crédito junto com a senha em um painel.

A proposta inusitada era, na verdade, uma forma de promover serviços de segurança na internet, fazendo um link com os cuidados que tomamos no mundo real (relembre aqui).

Desta vez, a gigante instalou no centro de Estocolmo uma espécie de scanner para mostrar como a postura das pessoas está errada, principalmente em decorrência do peso cada vez maior que carregamos com o surgimento de novos aparelhos que se tornaram indispensáveis no dia a dia, como notebooks, celulares e tablets.

Junto ao painel, que tirava um raio-x em tempo real de quem topasse participar, estava uma profissional para dar orientações sobre como as pessoas poderiam melhorar sua postura.

A ação foi realizada para divulgar o Surface Pro 4, notebook da Microsoft que tem como uma de suas principais características justamente o peso reduzido de 766g.

Confira o resultado da ação assinada pela JWM de Estocolmo: