“Medida certa” de Ronaldo custa R$ 6 mi, diz jornal

Segundo blog da Folha, cada quilo a ser perdido pelo ex-jogador custará R$ 333 mil

São Paulo – A participação do ex-jogador Ronaldo “Fenômeno” no quadro “Medida Certa” do programa Fantástico da TV Globo não se deu apenas por boa vontade do agora empresário e dono da agência 9ine. Segundo o blog “painel fc” do jornal Folha de S. Paulo, a participação custou 6 milhões de reais aos anunciantes, ou seja, cada quilo a ser perdido no desafio de secar 18 dos 118 do ídolo corintiano equivalerá a 333 mil reais.

Até agora, o dinheiro investido parece estar valendo a pena. A estreia em 23 de setembro catapultou a audiência acima do nível de 20 pontos, patamar que no ano só foi atingido na entrevista não muito reveladora de Rosane Collor e nas declarações da apresentadora Xuxa no quadro “O que Vi da Vida”. Na semana seguinte, até Pelé foi convidado para incentivar o jogador, que sofre com um distúrbio na tireoide e que o fez pendurar as chuteiras um pouco antes do previsto.

Segundo o blog, os amigos de Ronaldo garantem que ele é generoso, mas não iria se expor desta forma de graça. O sobrepeso do jogador era, nos últimos anos de sua carreira, motivo de piada entre torcedores e muitas vezes apontado como o motivo para alguma eventual participação ruim nos gramados. Além disso, as pessoas próximas a ele garantem que o ex-atacante dedica boa parte do seu tempo ao desafio.

Em um ano de vida, a agência de Ronaldo já tinha sob seu comando as carreiras de Neymar, Anderson Silva e outros. Ao longo de 2012, a 9nine ainda fechou contratos com o Luan Santana e o próprio Ronaldo se tornou o garoto-propaganda da rede de supermercados Extra, marca do Grupo Pão de Açúcar. A aposta do Fantástico na popularidade de Ronaldo levou até à criação de um hotsite na página do programa para quemdesejar acompanhar a luta por cada quilo perdido.

Atualização em 17/10/2012, às 17h04min: em comunicado divulgado na quarta-feira (17), a Rede Globo negou que Ronaldo esteja sendo pago tanto pela emissora quanto por patrocinadores para participar do “Medida Certa”.