Kibon lança sorvetes com Snickers, Ovomaltine e Toddynho

Há novidades com o preço sugerido por a partir de R$ 1,50

São Paulo — A fabricante Unilever anunciou os lançamentos dos sorvetes para o verão 2019 da marca Kibon. Nesta vez, serão quatro parcerias com produtos já famosos no mercado. O chocolate Snickers, da fabricante Mars, aparece nas versões de Cornetto e em pote. O Ovomaltine aparece apenas em pote. E Toddynho incrementa o portfólio com o picolé para as crianças.

A linha de produtos infantis traz os sorvetes com preço sugerido de até três reais. O picolé Kolorix, que pinta a língua, chega ao mercado com sugestão de apenas R$1,50. “Oferecemos essa opção para que todas as famílias do país consigam ter acesso aos produtos”, diz Roberto Antunes, diretor de marketing de Kibon.

Para os sorvetes de pote da linha Muitos Pedaços, a surpresa preparada para os consumidores é a adição de 20% mais pedaços de chocolates e biscoitos nos lançamentos e também em nomes já conhecidos, como Tablito e Hershey’s. O preço deve se manter.

E chocolate é o que não falta entre os lançamentos de Kibon. Magnum ganha um versão com trio de chocolates: combinação de chocolate branco, chocolate intenso e chocolate belga com a calda de cookies; enquanto a caixa de Mini Chicabom volta às lojas. “As caixas para compartilhar estão entre os sete produtos mais vendidos do Brasil. É uma particularidade que não acontece em nenhum outro lugar do mundo”, afirma Antunes. Para compartilhar há ainda o pote de 2 litros com quatro sabores em uma embalagem: chocoleite, chocolate branco, chocoflocos e leite.

Sorvetes para compartilhar é aposta da Kibon

Sorvetes para compartilhar é aposta da Kibon (Unilever/Divulgação)

Neste ano, além de olhar fortemente para a revisão de preços a fim de atrair todas as classes sociais, a Kibon também tenta conquistar consumidores com opções de produtos saudáveis. A linha Fruttare continua bastante presente na estratégia da marca. Além disso, o tema ganha força com a chegada de dois sabores de sorvetes sem lactose: creme e napolitano.

Segundo a empresa de análise de mercado Euromonitor, a estratégia é importante para que o setor volte a crescer. “Os fabricantes de sorvete perderam vendas desde a recessão econômica já que os brasileiros não percebem o sorvete como uma sobremesa saudável e diária. A recuperação lenta em 2018 acontece quando os consumidores começam a ter mais flexibilidade em suas decisões de compra”, diz analista de alimentos e nutrição da Euromonitor International, Caroline Kurzweil.

A diversificação no portfólio é resultado da escuta dos consumidores por meio de pesquisas e análise de comentários nas redes sociais. Para 2019, a marca que é líder de mercado, com 12,7% de participação, espera ainda conseguir ampliar essa fatia.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s