Gillette renova acordo de patrocínio à seleção brasileira

Novo contrato vale até 2014. Parceria se estende às seleções masculinas de sub-17, sub-20, sub-23 e à seleção feminina

São Paulo – A Gillette, patrocinadora oficial da Seleção Brasileira durante a Copa do Mundo da África do Sul, renovou a parceria com a CBF até o fim do Mundial de 2014, que será realizado no Brasil. O acordo estende-se também às seleções masculinas de futebol sub-17, sub-20, sub-23 e à seleção feminina.
 

A marca da Procter & Gamble poderá associar suas campanhas ao status de “Patrocinadora oficial da Seleção Brasileira de Futebol”, usando inclusive imagens dos jogadores e da equipe, além de promover o logo em placas de campo e embalagens promocionais de seus produtos.

O patrocínio à equipe brasileira para a Copa de 2010 foi a primeira parceria da Gillette com a seleção. Mesmo com a desclassificação do Brasil às vésperas da final, a marca alcançou um recorde de share de 81,5% durante todo o período de patrocínio. A linha Mach 3, que teve comerciais estrelados por Kaká, garoto-propaganda da marca até dezembro deste ano, teve um crescimento de 27%. A Gillette não comenta a possibilidade de renovação com Kaká.

O valor do contrato assinado com a CBF não foi divulgado.

Leia mais notícias sobre a Procter & Gamble

Siga as últimas notícias de Marketing no Twitter