Flamengo e Corinthians faturam menos de 5 reais por torcedor

Pesquisa exclusiva revela que clubes brasileiros não tem conquistado o bolso dos torcedores. Entenda o cálculo

A consultoria de marketing esportivo Sports Value, em pesquisa exclusiva, demonstrou que os clubes brasileiros de futebol faturam muito menos do que poderiam.

O Corinthians, por exemplo, é o clube que menos fatura na proporção por torcedor, mesmo tendo a segunda maior torcida do país. No líder Flamengo o total por fã é de 4.74 reais.

 (Sports Value/Divulgação)

O cálculo considera a receita por sócio, bilheteria dos jogos e produtos licenciados dividida por toda a base de torcedores de cada time.

Para Amir Somoggi, especialista responsável pela pesquisa, há três principais fatores para o resultado: desinteresse da população pelo futebol, maior interesse em clubes europeus e má gestão dos clubes.

Atualmente, 42% da população brasileira diz não se interessar por futebol. Em 2006 esse índice era de apenas 10%.

 (Sports Value/Divulgação)

“O clube não gera mais interesse do fã. É mais fácil encontrarmos, por exemplo, um produto licenciado do Barcelona do que de times nacionais”, afirma Somoggi.

Segundo o Ibope Repucom, 72% dos jovens brasileiros torcem para um time europeu.

Ao total, os times brasileiros movimentaram 5.7 bilhões de reais em 2018, sendo o apenas 21% desse total referente ao gerado pelo torcedor.

No ano passado, os brasileiros gastaram 67.7 bilhões de reais com entretenimento em geral e apenas 1.1 bilhão é referente a clubes de futebol.

“Há um grave problema de marketing nos clubes que não alcançam o potencial de consumo que podem ter”, diz Somoggi.